quinta-feira, 17 de dezembro de 2009

Olá seguidores do blog, estou postando um novo circuitinho muito interessante de baixo custo.
A página original é esta: http://imakeprojects.com/Projects/hot-cold-glowies/
Eu traduzi no google, mas acho que dá para entender...


"Olhos de LED que mudam
conforme a mudança de temperatura"

No outono passado, eu estava em uma caminhada em um barranco e se sentiu uma pancada forte brisa completamente. Eu assisti-lo se mover ao longo dos ramos e capim e pensei, "não seria interessante se eu pudesse vê-lo explodir no ar, também?"

Se eu pudesse espalhar alguns sensores de temperatura simples em torno da ravina e mandá-los mostrar a temperatura em relação com as cores, eu poderia ser capaz de "ver" o vento frio no ar, observando a mudança de cores.

Estes glowies são o resultado de eu achar uma maneira de fazer os sensores de temperatura simples. Se são reativas o suficiente para o efeito que eu imaginava inicialmente terá que esperar até a próxima queda, mas eles são divertidos.

Como um bônus, estas são energia solar!


O que são e como eles funcionam








O Glowies usa um microcontrolador pequeno, mas eles são realmente muito simples em ambas as partes e função. O núcleo da unidade é um diodo de silício utilizado como um sensor de temperatura (na verdade, dois deles). Isto é muito simples, e é muito bem compreendido aplicação - e você não pode ficar muito mais barato!

As características elétricas de um diodo de silício muda dependendo da temperatura. Especificamente, a tensão para a frente vai mudar dependendo da temperatura. Não é muito, mas é suficiente para medir.

O microcontrolador utilizado (PIC12F675) foi construído com conversores analógicos/digitais. Estes são utilizados para medir a tensão para a frente dos dois diodos idênticos. Um dos diodos fura para fora um pouco da głowie e serve como o sensor de temperatura principal. O diodo outro é ligeiramente isolado da temperatura ambiente. Isso torna mais lento para "apanhar" às mudanças de temperatura. As mudanças de temperatura são detectadas por comparação do sensor principal para o isolado.

Como resultado, o głowie realmente não sabe o que a temperatura é - pelo menos, não em graus. Mas é muito bom em detectar mudanças de temperatura. A mudança de temperatura para cima acende o LED vermelho. Uma mudança para baixo, acende o LED azul. Desde o głowie medidas e reage muitas vezes por segundo, fracas alterações no resultado da temperatura em um piscar dos LEDs. Mudanças fortes têm o LED aceso sólidos.

Na animação, você pode ver o głowie responder para mim sopro de ar comprimido no sensor para resfriá-lo, seguiu pressionando o dedo no sensor para aquecê-lo.

O głowie vai dormir se não houver mudanças na temperatura detectada. Isto significa que o consumo de energia é muito baixa a menos que um LED está aceso, caso em que consome cerca de 25mA.

Como resultado, é possível ter as pilhas recarregáveis pequenas do głowie recarregada por uma célula solar em anexo. Isto é suficiente para manter a głowie em execução. Se o głowie gasta muito do seu tempo de iluminação LED, no entanto, ele terá que recarregar antes que ele possa funcionar novamente.

Detalhes técnicos

Esquema (clique para versão ampliada)


Código fonte para
microcontrolador PIC 12F675:
Opcional Melhorias
  • Eu achei útil colocar um pequeno interruptor entre a głowie e a bateria. Isto pode vir a ser útil tanto para repor a unidade, ou para evitar que ele seja executado (se você quiser que a bateria seja autorizada a cobrar sem fazer nada głowie , por exemplo). Isto pode vir a calhar principalmente se o głowie começa a agir estranho - o que provavelmente aconteceria se ela nunca vai secar a fonte de energia. Microcontroladores tendem a ter seus cérebros codificada quando o poder vai acabando.

  • Uma personalidade pouco acrescentou ao seu glowie pode ir um longo caminho. Uma bola de pingue-pongue sobre os LEDs e alguns "cabelos cientista louco" parece funcionar para alguns deles.














Aqui está o grupo dos protótipos:








E aqui está a turma começando com uma pistola de ar quente e reagindo ao calor (iluminação em vermelho, em seguida, sair como a arma se afasta. Eles fariam o mesmo com o azul se fosse uma arma e frio):







____________________________________________________________________

Bem esse foi mais um dos posts do meu blog. ateh a pŕoxima pessoal!

terça-feira, 24 de novembro de 2009

Primeiros passos com PIC's

Bem galera, estou aqui novamente depois de muito tempo. Hoje vou postar sobre um circuito bem básico e muito legal com o famoso PIC16F628A. O circuito é um simples circuitinho com 8 LED's que fazem um efeito muito interessante. segue o esquema:










e segue a placa:












quem quiser segue o endereço do download dos arquivos do projeto:
http://www.4shared.com/file/159015626/cb809d63/efects.html

acredito que não deve ser de grande dificuldade o confecção da placa, apenas deve-se ter muito cuidado na hora de desenhar as trilhas embaixo do PIC.
Para facilitar o desenho e evitar erros e problemas, aconselho fazer a transferência pelo método térmico de transferência (se não sabe como funciona, olhe o outro post que eu fiz ensinado a fazer isso), pois evita problemas ao desenhar as trilhas embaixo do PIC.

Quem não tem um programador, pode fazer o do seguinte link:
http://www.circuit-projects.com/microcontroller/pic-and-eeprom-programmer.html


Bem é só isso. Ateh a próxima postagem e ateh mais!

sábado, 3 de outubro de 2009


Daew galera. Retomando meu blog depois de muuuuuito tempo, resolvi postar algumas coisas interessantes.
As vezes, aparece algum drive de CD-rom, disquete, impressora queimada, vc vai lá fuça e desmonta tudo e acha o que?? motores de passo. Vc pesquisa no Google (que é uma m*) e descobre que ele precisa de circuitos (normalmente com MCU's) e vc não sabe mexer com microcontroladores. Então vc fica triste, querendo ver as belezinhas girarem e não sabe como. Então descobre que da pra controlar pela porta paralela do pc, mas se vc for fazer um carro, não dá pra depender da porta paralela!
Mas eu montei um circuito para controlar motor de paso, tipo os de impressora! segue na foto abaixo:


O circuito se baseia nos CI's 555, 4017 e ULN 2003.

Funcionamento do circuito


O CI 555 gera os pulsos que acionam o CLOCK do 4017, que por sua vez envia os sinais ao ULN 2003 que os amplifica e os passa ao motor.


Agora os meus anúncios:

VENDO CONTROLADOR DE MOTOR DE PASSO POR R$25,00.
VENDO MOTOR HIGH TORQUE POR R$80,00

Para entrar em contato ligue para (41)99870042 ou (41)30330008 e peça para falar com o Stephen.

Falow galera. Era isso. Ateh a próxima.


terça-feira, 7 de julho de 2009

Retomando o blog de novo, resolvi continuar o post anterior. Achei um tutorial de como fazer sua pci pelo metodo termico, dei umas mexidas e resolvi postar. E assim que eu faço e o resultado sai perfeito (bem melhor do que a tecnica da canetinha e ir desenhado as trilhas, como ja fiz muuuuuitas vezes e sai um lixo tremendo :D) . Entaum vamos ao tutorial...


Confeccionando uma Placa de Circuito Impresso - Método Térmico


Materiais Necessários

- Um desenho para ser transferido;
- Papel Glossy para impressora Laser;
- Uma Placa de Circuito Impresso (PCI);

- Ferro de passar roupas;
- Recipiente com água e detergente;
- Solução para corroer placas (percloreto de ferro ou cloreto de ferro III);
- Palha de aço;

- Furador para PCI;

ATENÇAO!!!!!

Naum brinque com sua segurança!!! Neste processo e usado quimicas altamente perigosas! Use equipamentos de proteçao individual (EPI)

Introduçao

O método térmico consiste em transferir o layout impresso em uma folha de papel para uma PCI usando pressão e temperatura.
O processo pode ser resumido conforme mostra a figura:



Clique para ampliar

Início

Para esse tutorial vamos utilizar um desenho relativamente simples e pequeno:




Quando se trabalha com método térmico o circuito não pode estar espelhado como acontece em outros métodos, apenas os textos devem ser espelhados.
O Arquivo PDF pronto para ser impresso em um formato A4 sem ajuste de escala pode ser encontrado aqui.

A impressão deve ser feita em uma impressora laser na face mais brilhante do papel, a qualidade da impressão deve estar ajustada para o valor máximo:

:



A placa deve estar limpa para evitar problemas na transferência, pode-se usar palha de aço mas, tomando cuidado para não deixar riscos profundos (sulcos) na superfície cobreada:

Após a limpeza da placa deve-se recortar e posicionar a impressão contra a superfície cobreada:

O ferro de passar roupas ajustado na temperatura máxima é colocado diretamente sobre a placa com cuidado para não tirar a impressão fora da posição ajustada anteriormente. Nesse momento deve ser feita uma pressão considerável sobre a placa durante 5 a 6 minutos (dependendo do tamanho da impressão):

Após 5 minutos de pressão e temperatura máxima:

Antes de remover o papel é necessário mergulhar a placa em um recipiente com água e detergente. Após 35 a 45 minutos (dependendo do tamanho da impressão) toda superfície do papel absorveu a água e está pronto para ser removido:

Cuidadosamente deve-se fazer "rolinhos" com os dedos sobre o papel para evitar falhas. Sempre que precisar mergulhar o papel na água novamente:




Quando a placa secar precebe-se que o papel não foi completamente removido, esse papel atrapalha na hora da corrosão:

Utilizando algum objeto de ponta é possível remover todo o excesso:

Trilhas e ilhas sem falhas então o próximo passo é corroer:

Nesse caso foi utilizada uma solução morna de percloreto de ferro para corroer. Muito cuidado com esta solução, evite contato com a pele, olhos, roupas e qualquer outra coisa que não seja o seu recipiente. Após 3 minutos agitando a placa dentro do recipiente:



Para remover o tonner que da placa pode ser utilizada palha de aço com auxilio de thinner:

Furação:

Furação concluída:




Ta ai galera, bem facil, rapido e com qualidade bem boa. Pra quem e iniciante essa e a melhor tecnica (naum se acustume com a primitiva tecnica da canetinha de retroprojetor que e a coisa mais favelada que tem, embora fique bom alguns desenhos como esse meu ai em baixo, embora seja melhor naum arriscar)



E isso galera, um otimo resultado depende da pratica. Ate a proxima postagem (que vai demorar vou viajar pro RJ). Falou galera.

Começando tudo...

Diversao das ferias: fazer um percloreto vencido a 3 anos (isso mesmo, tres anos!!!) corroer uma plaquinha. Consegui, mas demorou 4 horas :P
Pra naum dexar mole, descobri como corroer uma plaquinha (10 cm x 10 cm) em coisa de 20 segundos!!!



Naum se empolgue tanto, pois a "coisinha" usa acido muriatico, ou tbm conhecido como acido cloridrico (se naum sabe o que e, pergunta para seus pais ou procura na wikipedia). Pra ter ideia da força desse "bichinho", ele e capaz de derreter um bloco de concreto puro!!!

Bem, chega de enrolar e vamos ao que interessa. Aqui esta um pequeno tutorial de como fazer suas plaquinhas e como corroer elas com a "criancinha" citada ai em cima, lembrando que e uma quimica ALTAMENTE CORROSIVA E FORTE, naum deve ser usado por pessoas com menos de 15 anos, e mesmo assim deve ser tomado todo cuidado, pq galera, esse negocio da um acidente mto feio. Ate a proxima galera. Falou.